Prefeito assina convênio que aumenta o auxílio no transporte escolar universitário

27/06/2011 20:29

Prefeito assina convênio que aumenta o auxílio no transporte escolar universitário
Prefeito assina convênio que aumenta o auxílio no transporte escolar universitário

Diariamente, dezenas de canelenses deslocam–se através de vans e ônibus para Faculdade, Universidade e Escola Técnica de outras cidades, em busca de qualificação profissional, de um futuro melhor. E ao compreender as dificuldades desta luta e o alto custo para a realização do sonho de cada um destes estudantes, que incluem os gastos com os cursos e ainda a locomoção até a instituição, a Prefeitura de Canela, através do Prefeito Constantino Orsolin, cumpriu mais um de seus compromissos com os canelenses ao assinar, na manhã de 21 de junho, o convênio que aumenta o repassa a quatro associações universitárias para auxílio de despesas com transporte.

Participaram do ato, além do Prefeito Constantino, os Secretários da Fazenda, Roberto Basei, e Educação, Marluce Fagundes, e os presidentes da Sociedade Serrana de Universitários (FACCAT), Paula Botelho Pinto Mauss; Sociedade Canelense de Universitários – Unisinos, Bruna Vasconcelos Machado; Associação dos Universitários da Feevale, Ubiratã Kehl Castilhos e Associação dos Estudantes Técnicos e Secundaristas de Canela e Gramado (Cimol), Edimar Pereira da Rosa.

De acordo com o Prefeito Constantino, o repasse do recurso significa muito mais do que auxiliar os estudantes, ”significa investimento em canelenses que serão fundamentais para o nosso município em um futuro muito próximo, pessoas que estarão qualificadas para desenvolver todo o seu conhecimento aqui, na nossa cidade”, afirmou.

”Acredito que temos que investir na educação, pois ela é uma ferramenta que pode promover a igualdade social neste país. E com o nosso apoio, mais a garra e determinação dos estudantes, vamos conseguir que as pessoas tenham mais qualidade de vida”, frisou a Secretária de Educação, Marluce Fagundes, que aproveitou para aconselhar a todos para nunca deixarem de estudar.

O Secretário da Fazenda falou aos universitários que a administração municipal vem fazendo o possível para auxiliá–los, mas é importante não esquecer que as entidades precisam prestar contas da aplicação do recurso para continuar recebendo.

Benefícios para os estudantes

Os estudantes contemplados pelo auxílio para o transporte universitário elencam uma série de benefícios a partir do subsídio. ”O convênio firmado com a Prefeitura pode incentivar um maior número de pessoas a estudar e também a cursar mais disciplinas, fazendo com que os estudantes se formem mais rápido. O valor que cada estudante paga pelo transporte poderia ser utilizado para cursar mais uma cadeira. Muitos acabam desistindo pelo alto custo da passagem”, relata Ubiratã de Castilhos, Presidente da Associação dos Universitários da FEEVALE.

”A verba é importante também para evitar a inadimplência dos associados, para que continuem seus estudos e que tenham um período de estudo menor dentro da universidade. Hoje, a maioria dos estudantes leva de seis a sete anos para completar um curso superior”, completa Bruna Machado, Presidente da Sociedade Canelense de Universitários – UNISINOS, enfatizando que, anualmente, a faculdade tem um aumento de 10% na mensalidade.

Paula Mauss, Presidente da Sociedade Serrana de Universitários – FACCAT, destaca que o valor pago pelo transporte poderia ser utilizado, por exemplo, para cursar mais duas disciplinas das faculdades de licenciaturas que acontecem no sábado. Já Edimar da Rosa, presidente da Associação dos Estudantes Técnicos e Secundaristas de Canela e Gramado (CIMOL), fala que, embora a instituição seja estadual, os estudantes também enfrentam o alto custo do transporte. ”O auxílio da Prefeitura é de extrema importância”, relata.

O aumento no repasse

No convênio assinado, a Prefeitura de Canela aumenta o repasse de R$ 45.127,61 de 2010 para R$ 75 mil reais em 2011, um acréscimo de 66,2%. O valor é divididos entre as quatro entidades e esta divisão é feita numa média de quilometragem e número de alunos.

O repasses para cada associação em 2011 será de: Sociedade Serrana de Universitários (FACCAT), R$ 16.010,97; Sociedade Canelense de Universitários – Unisinos, R$ 25.885,58; Associação dos Universitários da Feevale, R$ 17.948,28 e Associação dos Estudantes Técnicos e Secundaristas de Canela e Gramado (Cimol), 15.155,17.

O Prefeito Constantino destacou também que no ano de 2012 o repasse será de R$ 100.000,00.

Confira os repasses dos últimos anos

2003 – R$ 30.000,00

2004 – R$ 40.000,00

2005 – R$ 33.750,00

2006 – R$ 69.250,00

2007 – Não houve repasse

2008 – R$ 53.999,99

2009 – R$ 33.567,56

2010 – R$ 45.127,61

2011 – R$ 75.000,00

2012 – R$ 100.000,00


Diariamente, dezenas de canelenses deslocam–se através de vans e ônibus para Faculdade, Universidade e Escola Técnica de outras cidades, em busca de qualificação profissional, de um futuro melhor. E ao compreender as dificuldades desta luta e o alto custo para a realização do sonho de cada um destes estudantes, que incluem os gastos com os cursos e ainda a locomoção até a instituição, a Prefeitura de Canela, através do Prefeito Constantino Orsolin, cumpriu mais um de seus compromissos com os canelenses ao assinar, na manhã de 21 de junho, o convênio que aumenta o repassa a quatro associações universitárias para auxílio de despesas com transporte.

Participaram do ato, além do Prefeito Constantino, os Secretários da Fazenda, Roberto Basei, e Educação, Marluce Fagundes, e os presidentes da Sociedade Serrana de Universitários (FACCAT), Paula Botelho Pinto Mauss; Sociedade Canelense de Universitários – Unisinos, Bruna Vasconcelos Machado; Associação dos Universitários da Feevale, Ubiratã Kehl Castilhos e Associação dos Estudantes Técnicos e Secundaristas de Canela e Gramado (Cimol), Edimar Pereira da Rosa.

De acordo com o Prefeito Constantino, o repasse do recurso significa muito mais do que auxiliar os estudantes, ”significa investimento em canelenses que serão fundamentais para o nosso município em um futuro muito próximo, pessoas que estarão qualificadas para desenvolver todo o seu conhecimento aqui, na nossa cidade”, afirmou.

”Acredito que temos que investir na educação, pois ela é uma ferramenta que pode promover a igualdade social neste país. E com o nosso apoio, mais a garra e determinação dos estudantes, vamos conseguir que as pessoas tenham mais qualidade de vida”, frisou a Secretária de Educação, Marluce Fagundes, que aproveitou para aconselhar a todos para nunca deixarem de estudar.

O Secretário da Fazenda falou aos universitários que a administração municipal vem fazendo o possível para auxiliá–los, mas é importante não esquecer que as entidades precisam prestar contas da aplicação do recurso para continuar recebendo.

Benefícios para os estudantes

Os estudantes contemplados pelo auxílio para o transporte universitário elencam uma série de benefícios a partir do subsídio. ”O convênio firmado com a Prefeitura pode incentivar um maior número de pessoas a estudar e também a cursar mais disciplinas, fazendo com que os estudantes se formem mais rápido. O valor que cada estudante paga pelo transporte poderia ser utilizado para cursar mais uma cadeira. Muitos acabam desistindo pelo alto custo da passagem”, relata Ubiratã de Castilhos, Presidente da Associação dos Universitários da FEEVALE.

”A verba é importante também para evitar a inadimplência dos associados, para que continuem seus estudos e que tenham um período de estudo menor dentro da universidade. Hoje, a maioria dos estudantes leva de seis a sete anos para completar um curso superior”, completa Bruna Machado, Presidente da Sociedade Canelense de Universitários – UNISINOS, enfatizando que, anualmente, a faculdade tem um aumento de 10% na mensalidade.

Paula Mauss, Presidente da Sociedade Serrana de Universitários – FACCAT, destaca que o valor pago pelo transporte poderia ser utilizado, por exemplo, para cursar mais duas disciplinas das faculdades de licenciaturas que acontecem no sábado. Já Edimar da Rosa, presidente da Associação dos Estudantes Técnicos e Secundaristas de Canela e Gramado (CIMOL), fala que, embora a instituição seja estadual, os estudantes também enfrentam o alto custo do transporte. ”O auxílio da Prefeitura é de extrema importância”, relata.

O aumento no repasse

No convênio assinado, a Prefeitura de Canela aumenta o repasse de R$ 45.127,61 de 2010 para R$ 75 mil reais em 2011, um acréscimo de 66,2%. O valor é divididos entre as quatro entidades e esta divisão é feita numa média de quilometragem e número de alunos.

O repasses para cada associação em 2011 será de: Sociedade Serrana de Universitários (FACCAT), R$ 16.010,97; Sociedade Canelense de Universitários – Unisinos, R$ 25.885,58; Associação dos Universitários da Feevale, R$ 17.948,28 e Associação dos Estudantes Técnicos e Secundaristas de Canela e Gramado (Cimol), 15.155,17.

O Prefeito Constantino destacou também que no ano de 2012 o repasse será de R$ 100.000,00.

Confira os repasses dos últimos anos

2003 – R$ 30.000,00

2004 – R$ 40.000,00

2005 – R$ 33.750,00

2006 – R$ 69.250,00

2007 – Não houve repasse

2008 – R$ 53.999,99

2009 – R$ 33.567,56

2010 – R$ 45.127,61

2011 – R$ 75.000,00

2012 – R$ 100.000,00